Com o tema “Educação Básica de Qualidade: currículo, carreira e gestão escolar”, a Reunião Regional da SBPC em Sobral teve cerca de 3 mil inscritos da região e de outros 15 estados, além dos internautas, que acompanharam a transmissão on-line. O encontro foi realizado de 27 a 30 de março no Centro de Convenções da cidade. A Reunião também celebrou o Centenário da observação do eclipse que foi decisivo para comprovar a Teoria da Relatividade Geral de Albert Einstein.

A secretária regional da SBPC no Ceará, Claudia Linhares Sales, disse que a Reunião Regional, que era para ser um teste para as comemorações em maio do Centenário do Eclipse de Sobral, ganhou corpo e luz própria. “O evento foi um sucesso. Uma grande oportunidade para explicar a história desse importante eclipse para a comunidade, inclusive para os professores do ensino básico, que são multiplicadores. A Reunião foi uma oportunidade para a comunidade se apropriar de sua história”, avaliou.
O evento abordou casos exitosos da cidade e da região, em que educadores discutiram gestão, problemas nas escolas, além de fazerem reflexões sobre suas atuações. Na conferência do professor Carlos Roberto Jamil Cury, vice-presidente da SBPC, o público pode debater a história do Plano Nacional de Educação. Na palestra do educador Daniel Cara foram apontados os desafios da educação pública no Brasil, além de currículo escolar, participações em olimpíadas e feiras científicas e desempenho em avaliações nacionais.

Troféus para estudantes

 
Como não poderia faltar em um evento de Ciências, a Reunião Regional foi palco também da 1ª Feira de Ciências das escolas públicas municipais de Sobral, atividade que reuniu 131 equipes nos dias 28 e 29 de março, no Centro de Convenções, onde se realizava o evento da SBPC. Na atividade, professores orientadores e estudantes da Educação Básica apresentaram práticas exitosas em diversas áreas do conhecimento. Ao final das apresentações, na sexta-feira, foi realizada uma cerimônia de premiação, na qual 12 equipes levaram troféus que faziam menção ao Centenário do Eclipse de Sobral, um incentivo para seguirem instigados pela pesquisa.

Os estudantes vibravam a cada nomeação, e se emocionavam quando tinham o nome de sua equipe convidada ao palco para receber das mãos do secretário de educação de Sobral, do presidente e da secretária regional da SBPC o prêmio. “Essa premiação foi muito emocionante, porque mostra para esses alunos que todos são capazes”, avaliou Sales. 
 

A escultura do cientista Albert Einstein encomendada pela Prefeitura já está em Sobral para as comemorações dos 100 anos de comprovação da Teoria da Relatividade. A peça, moldada em argila e fundida em bronze, foi criada pelo premiado artista brasileiro Murilo Sá Toledo, autor de dezenas de obras dispostas em praças e parques de diversas cidades brasileiras. A peça foi encomendada para o Centenário do Eclipse de Sobral e ficará em exposição permanente na Margem Esquerda (próximo ao Largo das Dores), sendo mais um fator de atração turística para o município. A escultura de Einstein, que pesa 130 quilos, busca a reprodução fiel do cientista. É trabalhada com o mesmo material da estátua de Carlos Drumond de Andrade, disposta no calçadão da praia de Copacabana, no Rio de Janeiro.


Ainda dentro da programação do Centenário do Eclipse de Sobral, o município sedia a partir de hoje, quarta-feira (27/03), a reunião regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), com o tema “Educação Básica de Qualidade: currículo, carreira e gestão escolar”. No primeiro dia do evento, o seminário “Sob o sol de Sobral” será dedicado ao Centenário do Eclipse de Sobral, com palestras das 9h às 18h30. Às 19h acontece a sessão de abertura da reunião regional da SBPC.

Entre os destaques da programação, está a participação do professor da Universidade do Arkansas, nos Estados Unidos, Daniel Kennefick, que além de físico é um especialista na história da Relatividade Geral de Einstein. Também haverá palestras sobre educação e divulgação da astronomia no Brasil, deflexão da luz pela ação gravitacional, astrofísica das estrelas, cosmologia, buracos negros, ondas gravitacionais, entre outros.

A cidade de Sobral, no interior do Ceará, recebe esta semana a Reunião Regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). O evento teve início nesta quarta-feira, 27, e joga luz sobre dois fatos que projetaram a cidade nacional e internacionalmente. O primeiro deles, é que foi lá que há exatos 100 anos foi feita a observação de um eclipse total do sol que contribuiu decisivamente para a verificação da Teoria da Relatividade Geral de Albert Einstein. O segundo é a bem sucedida experiência educacional pública que a levou à liderança no ranking do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb). Os dois fatos foram comemorados na cerimônia de abertura do evento nesta quarta-feira, no auditório do Centro de Convenções da cidade.

“Temos neste auditório mais de 500 pessoas celebrando a ciência”, apontou o prefeito de Sobral, Ivo Ferreira Gomes. Em seu discurso, ressaltou que a luz é ponto central desta Reunião Regional.  O estado do Ceará, segundo contou, é chamado “terra da luz” por ter disso o primeiro a libertar os escravos no País, em 25 de março de 1884, quatro anos antes da assinatura da Lei Áurea. “Mas nesta semana vemos que a luz está presente em muitos outros aspectos nesta cidade cearense. Somos a terra da luz também do ponto de vista da Física, com a comprovação da Teoria da Relatividade. E a mais importante, que é a luz do saber, porque é a energia libertadora que atinge todos: ricos, pobres, todas as raças, todas as crenças, todos os gêneros”, refletiu.

Gomes disse ainda que o evento da SBPC tem uma relevância enorme por aglutinar cientistas para difundir e popularizar a ciência. “E ele tem uma âncora na educação básica, em um momento em que Sobral discute um novo currículo para ciências nas escolas”, acrescentou. O tema do evento é “Educação Básica de Qualidade: currículo, carreira e gestão escolar”.

O município, conforme destacou o presidente da SBPC, Ildeu de Castro Moreira, tem dado exemplos de como uma política continuada pode levar a uma melhoria significatica do sistema educacional. Um exemplo observado foi que a média da cidade no Índice de Ideb saltou de 4,0 pontos em 2005 para 9,1 em 2017.  “A experiência dos educadores de Sobral é uma referência educacional importante para nos inspirarmos. Claro que Sobral não resolveu todos os problemas, mas a mudança de rumo, a continuidade das políticas e os avanços, são exemplos para o País. Por isso acho importante que os professores e gestores desta cidade sejam os protagonistas neste evento. Esta Reunião Regional  da SBPC em Sobral deve ser o ponto de partida de um movimento articulado para uma educação pública de qualidade em todo o Brasil, que se espalhe por todos os seus municípios. Sob o sol de Sobral vamos nos manifestar com firmeza pela educação e pela democracia em nosso país”, afirmou.

Moreira falou sobre o delicado momento político por que passa a educação brasileira e, justamente por isso, as discussões sobre o tema são ainda mais relevantes no encontro. “Todos nós temos a percepção que as questões de educação são centrais para o País. Estamos vivendo momentos difíceis e, nesse evento, vamos discutir questões importantes da educação brasileira, desde gestão, currículo, avaliações de escolas e a valorização do professor. É

importante que os órgãos e conselhos nacionais sejam mais sensíveis às vozes dos professores nas escolas. Esse encontro terá sucesso à medida que nossas discussões façam surgir novas ideias para levarmos adiante”, disse.

Herbert Lima, secretário de Educação de Sobral, destacou que entre as atividades inéditas preparadas para o evento, o município organizou a 1ª feira de ciências integrada das escolas públicas da cidade e, ainda, os professores da educação básica participarão da sessão de pôsteres, apresentando relatos de casos exitosos. “A inter-relação entre educação básica, ensino e pesquisa é a marca dessa reunião. É uma honra para nós que Sobral tenha sido escolhida pela SBPC para realizar esse evento, que tem um tema tão importante para todos”, declarou.

O secretário da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Estado do Ceará, Inácio Arruda, também reverenciou a educação em sua fala durante a cerimônia. “Há sempre uma energia criadora entre nossos educadores, que espalham o conhecimento, que permitem que milhões de pessoas tenham em suas mãos o poder da informação. Educação é a maior fonte de distribuição de poder, de conhecimento e de renda que um país pode ter”, afirmou.

Arruda citou a necessidade de fomentar políticas para aproximar a ciência do cotidiano das pessoas: “O que essa física, essa curvatura da luz tem a ver com a minha vida? Tudo. E o dia inteiro. Do feijão que cozinhamos, à TV a que assistimos, ao celular que usamos. Queremos mostrar isso em cada cidade desse Estado”.

Luiz Roberto Liza Curi, presidente do Conselho Nacional da Educação (CNE), reiterou a importância da interação entre a educação básica e o ensino superior que o evento promove. Em sua fala, reforçou também o protagonismo dos professores e a necessidade de ouvi-los nos debates sobre políticas de educação básica. “Os professores, os dirigentes que atuam na educação básica, precisam ser ouvidos. Precisamos também pensar melhor na formação básica desses profissionais e na formação continuada. O professor deve ser o agente do processo de aprendizado”, afirmou.

Sob o sol de Sobral

A Reunião Regional da SBPC teve início com um dia inteiro dedicado a discutir a importância das observações do eclipse total do sol em Sobral, no dia 29 de maio de 1919, que comprovaram a Teoria da Relatividade Geral de Einstein. O seminário “Sob o céu de Sobral – Uma janela para o Cosmos” é parte das celebrações do Centenário do Eclipse, que tiveram início em 2018 e seguem até novembro deste ano.

A programação contou com dez sessões que discutiram desde a astronomia no Ceará, a cultura e a ciência no Nordeste, os planetários no Brasil, até a posição dos astros, a evolução do conhecimento sobre a luz, a gravidade e o universo, até as recentes descobertas sobre buracos negros e ondas gravitacionais.

Destaque do dia, o professor da Universidade do Arkansas (EUA), Daniel Kennefick, que além de físico é um especialista na história da Relatividade Geral de Einstein, contou sobre suas pesquisas a respeito dos personagens menos conhecidos dessa importante descoberta.

O pesquisador acaba de lançar o livro “No shadow of doubt: The 1919 Eclipse That Confirmed Einstein’s Theory of Relativity” (“Sem sombra de dúvidas: O Eclipse de 1919 que confirmou a Teoria da Relatividade Geral de Einstein”, ainda sem tradução para português). Por conta de sua participação nesta reunião, pode pela primeira vez visitar cidade que foi cenário da história que ajudou a reconstruir. “Eu estou muito animado por conhecer essa cidade de que tanto falo. Sobral foi o melhor local encontrado para a observação do eclipse de 1919, e os dados colhidos aqui foram fundamentais para comprovar que a Teoria de Einstein estava correta. Esse fato transformou a ciência moderna e a maneira como vemos o universo”, declarou.

A Reunião Regional da SBPC em Sobral continua até sábado, 30 de março, com debates sobre a experiência educacional de Sobral e experiências exitosas no ensino fundamental. Também será discutida a Base Nacional Comum Curricular, a formação de professores, as avaliações e iniciativas como feiras e olimpíadas de ciências, entre outros. O evento é aberto a todos e gratuito. A programação do evento está disponível neste link.

Fonte: Daniela Klebis e Vivian Costa – Jornal da Ciência

Sobral sedia, a partir desta quarta-feira (27/03), a reunião regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) com o tema “Educação Básica de Qualidade: currículo, carreira e gestão escolar”. No primeiro dia do evento, o Seminário “Sob o sol de Sobral” será dedicado ao Centenário do Eclipse de Sobral, com palestras das 09h às 18h30.

Entre os destaques da programação, está a participação do professor da Universidade do Arkansas, nos Estados Unidos, Daniel Kennefick, que além de físico é um especialista na história da Relatividade Geral de Einstein. Também haverá palestras sobre educação e divulgação da astronomia no Brasil, deflexão da luz pela ação gravitacional, astrofísica das estrelas, cosmologia, buracos negros, ondas gravitacionais, entre outros. E, às 19h, será a sessão de abertura da reunião regional da SBPC.


De 28 a 30 de março serão realizadas conferências, mesas-redondas, painéis, lançamento de livros, além de uma Feira de Ciências para os estudantes da rede municipal, relatos de experiências educacionais e sessões diárias de projeções científicas e de entretenimento no Planetário de Sobral.
 
Serão debatidos temas relacionados principalmente à educação, tanto no ensino fundamental e médio, quanto ao ensino de Ciências, além de políticas educacionais, a Base Nacional Comum Curricular, gestão escolar, formação e carreira de professores, escolas e mestrados profissionalizantes. A experiência bem-sucedida de Sobral na educação fundamental será também um dos temas abordados, assim como as experiências dos institutos federais, colégios de aplicação e colégios militares.

- Veja a programação completa aqui.
- Site oficial da SBPC em Sobral aqui.